18 de março de 2018

Cuidado com as ideias que defende



Morte ou assassinato de ativistas políticos, isto é, de agentes que defendem os direitos humanos, denunciam a destruição ambiental ou a violência policial, esta era uma das bandeiras da vereadora Marielle, não é caso isolado no país.
Infelizmente, ocorre com frequência. Basta levantar uma bandeira que contrarie interesses de grupos ou corporações poderosas e influentes que o ativista é eliminado.

Isso torna a atividade arriscada no país, segundo a Anistia Internacional, e revela a fragilidade de nossas instituições e do regime democrático.
Democracia pressupõe respeito à pluralidade de ideias, não é o que ocorre no país lamentavelmente.

Defender uma causa poder incomodar e trazer sérios transtornos para o seu defensor. Precisamos estudar mais a fundo o conceito de democracia nas escolas e começar a incutir, desde cedo, na alma dos estudantes os princípios que norteiam a vida numa sociedade democrática, plural e inclusiva.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será publicado em breve!